Lotes financiados pela Caixa: Como financiar um lote sem burocracia?

Lotes financiados pela Caixa: Como financiar um lote sem burocracia?

Você sabe como funcionam os lotes financiados pela Caixa? Se não ainda não está por dentro deste assunto, você está no lugar certo! Aqui será esclarecido tudo o que você precisa saber, de mais importante, sobre isso.

O primeiro passo é saber que, em relação aos lotes financiados pela Caixa, houve o retorno recente da disponibilização do financiamento de lote urbanizado e, também, o oferecimento de taxas de juros especiais no que diz respeito às modalidades de construção individual.

Em ambas as modalidades com funding SBPE e reajuste pela TR (Taxa Referencial), sendo que para o financiamento direcionado ao lote urbanizado, os valores financiados poderão ser entre 50.000 e 1,5 milhões de reais. 

Isso significa que para essa modalidade será o valor financiado somado às taxas de juros de até TR + 8,50% ao ano, com quota de financiamento de até 70% sobre o valor de avaliação do terreno e com prazo de até 240 meses para pagar a dívida. 

Enquanto nas modalidades de aquisição de terreno e construção e construção em terreno próprio, a caixa vai oferecer, também, taxas de juros diferenciadas, as quais poderão chegar no máximo a TR + 6,50% ao ano.

Vale a pena financiar lotes pela Caixa Econômica?

O primeiro passo é responder se é uma necessidade grande e se você tem condições para arcar com os custos desse financiamento depois. Se a resposta for sim, vale a pena ter os lotes financiados pela Caixa como opção.

Geralmente, financiar um terreno para construir não somente um desejo, mas algo necessário de fato, então os esforços para esse financiamento de lotes pela Caixa valem a pena, mesmo que as taxas não sejam as menores.

No entanto, é preciso ter cuidado se você for financiar tanto o terreno quanto a construção, afinal de contas, você precisará arcar com essas despesas futuramente. 

Além disso, você precisa analisar se a sua renda se enquadra nesse financiamento, pois a prestação de um financiamento não pode ultrapassar 30% da sua renda e, nessa situação, seriam duas coisas a serem financiadas.

Quem tem direito a adquirir lotes financiados pela caixa?

Para que você consiga o subsídio dos lotes financiados pela Caixa é necessário ser brasileiro ou naturalizado brasileiro com mais de 18 anos. 

Além disso, quem possui algum imóvel registrado no próprio não pode ser beneficiado, independentemente de não ser quitado ainda e de ter um financiamento registrado.

Fatores como nome negativado, falta de reserva para a entrada, renda insuficiente, excesso de comprometimento da renda, problemas com documentação e papelada do imóvel em desacordo com as exigências, também são impedimentos para o subsídio.

O que preciso para financiar um lote?

Muitas pessoas possuem dúvidas acerca de como financiar um lote pela Caixa, no entanto, não é uma tarefa difícil. Veja os passos abaixo:

  1. O primeiro passo é fazer uma simulação (isso pode ser feito pelo site oficial da Caixa), informando todos os dados pedidos. Desse modo, você vai descobrir o valor da prestação, o prazo e outras informações importantes;
  2. Logo depois, você passará pela análise de créditos, em que você irá apresentar as documentações necessárias para os correspondentes bancários/gerente na agência, os quais irão analisar tudo e avaliar questões como o uso do FGTS e o tipo de crédito mais adequado;
  3. O terceiro passo está relacionado à análise da engenharia, responsável pela avaliação do terreno ou do imóvel e pelo valor o qual ele está sendo vendido;
  1. Os últimos passos são referentes à assinatura do contrato, pagamentos das prestações e gestão do financiamento.

Como é feita a aprovação de lotes financiados pela Caixa?

Taxas de juros

O financiamento de lotes pela Caixa possui taxa de juros praticada pela Caixa Econômica Federal, varia conforme o que será financiado. Por exemplo, a taxa de juros para financiar terrenos é diferente da taxa de juros para comprar uma casa pronta. Portanto, você deve fazer a simulação para fazer essa identificação.

Aprovação

Para que o financiamento de lotes pela Caixa seja possibilitado é necessário que o terreno em questão seja avaliado e aprovado, a fim de garantir que a estrutura esteja totalmente dentro dos parâmetros adequados de segurança.

Posso usar meu FGTS para financiar lotes e terrenos?

Segundo informações retiradas pelo site oficial da Caixa, não é permitido usar o FGTS para conclusão, reforma, ampliação ou melhoria. Os recursos da conta vinculada do FGTS podem ser utilizados apenas para construção em terreno próprio ou aquisição de terreno em construção.

Isso significa, então, que a caixa não autoriza uso do FGTS como parte do pagamento do imóvel comprado com recursos de financiamento habitacional, ou seja, mesmo que você tenha recursos do FGTS, você não pode usar neste caso.

Como diminuir a burocracia ao adquirir lotes financiados pela Caixa?

Você precisa compreender todos os pré-requisitos necessários nesse processo de financiamento para amenizar um pouco a burocracia e os atrasos. 

Para isso, é aconselhável que você procure profissionais capacitados que te orientem nessa jornada de financiamento de lotes pela caixa. Quanto mais os profissionais conhecerem os trâmites dos processos melhores serão as chances dos caminhos serem encontrados de modo a facilitar o desembaraço e reduzir custos e prazos.

Preciso de um corretor de imóveis para me auxiliar?

É extremamente interessante procurar uma imobiliária a qual tenha corretores especializados e experientes nesse tipo de assunto, haja vista que terão as estratégias adequadas para a aprovação do financiamento e irão cuidar, da melhor forma, de todos os documentos necessários.

Você pode encontrar isso na Tavares Imobiliária, a qual é referência em imóveis, que possui lotes, terrenos, fazendas nas melhores regiões e cidades, e condomínios diferenciados. Entre em contato com um corretor!

Vale a pena financiar lotes pela Caixa Econômica?

O primeiro passo é responder se é uma necessidade grande e se você tem condições para arcar com os custos desse financiamento depois. Se a resposta for sim, vale a pena ter os lotes financiados pela Caixa como opção.
Geralmente, financiar um terreno para construir não somente um desejo, mas algo necessário de fato, então os esforços para esse financiamento de lotes pela Caixa valem a pena, mesmo que as taxas não sejam as menores.
No entanto, é preciso ter cuidado se você for financiar tanto o terreno quanto a construção, afinal de contas, você precisará arcar com essas despesas futuramente. 
Além disso, você precisa analisar se a sua renda se enquadra nesse financiamento, pois a prestação de um financiamento não pode ultrapassar 30% da sua renda e, nessa situação, seriam duas coisas a serem financiadas.

Quem tem direito a adquirir lotes financiados pela caixa?

Para que você consiga o subsídio dos lotes financiados pela Caixa é necessário ser brasileiro ou naturalizado brasileiro com mais de 18 anos. 
Além disso, quem possui algum imóvel registrado no próprio não pode ser beneficiado, independentemente de não ser quitado ainda e de ter um financiamento registrado.
Fatores como nome negativado, falta de reserva para a entrada, renda insuficiente, excesso de comprometimento da renda, problemas com documentação e papelada do imóvel em desacordo com as exigências, também são impedimentos para o subsídio.

O que preciso para financiar um lote?

Muitas pessoas possuem dúvidas acerca de como financiar um lote pela Caixa, no entanto, não é uma tarefa difícil. Veja os passos abaixo:
O primeiro passo é fazer uma simulação (isso pode ser feito pelo site oficial da Caixa), informando todos os dados pedidos. Desse modo, você vai descobrir o valor da prestação, o prazo e outras informações importantes;
Logo depois, você passará pela análise de créditos, em que você irá apresentar as documentações necessárias para os correspondentes bancários/gerente na agência, os quais irão analisar tudo e avaliar questões como o uso do FGTS e o tipo de crédito mais adequado;
O terceiro passo está relacionado à análise da engenharia, responsável pela avaliação do terreno ou do imóvel e pelo valor o qual ele está sendo vendido;
Os últimos passos são referentes à assinatura do contrato, pagamentos das prestações e gestão do financiamento.

  • Compartilhar

Posts Relacionados

Dicas

Levantamento Topográfico em Lotes e Condomínios

O levantamento topográfico em condomínios é certamente uma das partes do planejamento de uma obra mais importante. Um erro de […]

Minha casa, minha vida, como funciona e como ter direito ao programa do governo
Dicas

Minha casa, minha vida, como funciona e como ter direito ao programa do governo

O programa Minha Casa Minha Vida (MCMV) é bastante conhecido por facilitar a compra de um imóvel. Além disso, trata-se […]

Guia completo sobre como investir em imóveis com pouco dinheiro
Dicas

Guia completo sobre como investir em imóveis com pouco dinheiro

A pandemia veio para tornar as coisas ainda mais difíceis, concorda? No entanto, se você ainda tem um pouco de […]

5 cuidados necessários na hora de comprar um terreno
Dicas

5 cuidados necessários na hora de comprar um terreno

A maioria dos brasileiros sonha em ter a casa própria, mas nem todos querem comprar um imóvel pronto, por isso […]

Conheça as 5 melhores cidades para morar em Minas Gerais
Dicas

Conheça as 5 melhores cidades para morar em Minas Gerais

Quem deseja conhecer as melhores cidades para morar em Minas Gerais precisa levar em consideração a educação, a longevidade e […]

Precisa de ajuda? Converse conosco